Cidade Educadora

Voltar

Aconteceu13-01

Em meio a tantas notícias que nos desencantam, é possível acreditar em destaque positivo, numa região esquecida, sofrida e desigual como o nordeste brasileiro, numa cidade cearense a 521 quilômetros de Fortaleza, onde a renda por habitante é 70% menor do que a média nacional?

A cidade de Brejo Santo, localizada aos pés da Chapada do Araripe, com pouco menos de 50.000 habitantes, foi destaque na imprensa nacional na semana passada, ao ser avaliada como o município brasileiro com melhor gestão na educação.  Sua rede municipal de ensino obteve o melhor desempenho na “Prova Brasil”, exame federal que avalia estudantes do 5º ao 9º anos do ensino público e que compõe o Índice de Desenvolvimento da Educação Básica, do Ministério da Educação.

Qual a fórmula para o avanço numa área tão complexa e tão nobre? Fazer todo dia o que precisa ser feito, respondem os responsáveis pela “proeza”. É o simples com disciplina. Aula todos os dias no horário certo; professores dentro da sala de aula; os 11.771 estudantes do município recebendo e fazendo o dever de casa; presença dos alunos cuidadosamente acompanhada; professores avaliados e dependendo do resultado substituídos ou remanejados para funções administrativas.

Com os melhores mestres em sala de aula, a edilidade aumentou-lhes o salário, estabelecendo o piso inicial de R$ 2.673,00 diante do salário mínimo de R$ 1.917,78 fixado pelo Ministério da Educação.

O município teve 71% dos alunos das séries iniciais e 45% dos das séries finais com bom desempenho. A cidade ainda não chegou ao marco de 70% das crianças com conhecimento adequado à série em que estudam, porém o caminho está traçado.

Na Igreja do Senhor Jesus o ensino foi e continua sendo determinante. Jesus ensinou os seus discípulos, ensinou nas sinagogas, ensinou no templo, ensinou coletivamente e particular, ensinou nos sábados, ensinou a orar, prometeu que o Consolador ensinaria e ordenou a todos os seus seguidores, em todas as gerações, que ensinassem.

 Na obra de Deus, o ensinador é dedicado e humilde, sempre buscando aprender mais e praticar sempre, para melhor repassar.

E todos os dias, no templo e nas casas, não cessavam de ensinar, e de anunciar a Jesus Cristo. (At 5.42)

O ensino foi e deve continuar constante e perseverante, tanto nos lugares públicos como nos ambientes mais íntimos, tendo sempre Jesus como tema central. Há um regozijo no coração do crente que ensina e daquele que é doutrinado.

Temos vivenciado momentos gloriosos com a Escola Bíblica cada vez mais atuante em nosso meio, com os Seminários Teológicos aprimorando-se no ensino e sendo um braço forte na preparação de obreiros do Senhor. Os cultos de doutrina da nossa Assembléia de Deus, cultos de ensinamento, têm edificado, instruído e motivado o Povo de Deus a vivenciar com todas as forças a mensagem do Evangelho.

Agradecemos ao Senhor pelos eventos que têm acontecido e pelos que estão programado, porque a ordenança é não cessar de ensinar. Na semana que passou, de 16 a 18 de abril, aconteceu na AD Cidade o Congresso RTM 2015 com participações abençoadas do Pr. Itamir Neves, Pr Luis Sayão e Pr Russell Shedd, onde aprendemos mais sobre a Carta aos Efésios.

Já a partir de amanhã até sexta-feira, dia 24/4, teremos no Centro de Eventos de Fortaleza a realização da 42ª Assembléia Geral Ordinária da Convenção Geral das Assembléias de Deus no Brasil, quando teremos oportunidade de aprender mais diante do que certamente será ensinado.

Bem-vindo aos convencionais de todo o Brasil e que não cessemos de ensinar e de anunciar a Jesus Cristo.

Ev João Batista

Fontes da notícia Brejo Santo: Revista VEJA, edição 2422,ano 48,n*16; Jornal O POVO, 18/04/2015.

AD Cidade - Todos os direitos reservados @ 2018 - Site desenvolvido por Leme Digital