DIA 15 | DEVOCIONAL JEJUM EM FAMÍLIA

Voltar

Dia 15 | 20 de janeiro de 2020
FUJAMOS DA CARNE

Texto Bíblico: “Porque a carne cobiça contra o Espírito, e o Espírito contra a carne; e estes opõem-se um ao outro, para que não façais o que quereis. Mas, se sois guiados pelo Espírito, não estais debaixo da lei. Porque as obras da carne são manifestas, as quais são: adultério, fornicação, impureza, lascívia, Idolatria, feitiçaria, inimizades, porfias, emulações, iras, pelejas, dissensões, heresias, Invejas, homicídios, bebedices, glutonarias, e coisas semelhantes a estas, acerca das quais vos declaro, como já antes vos disse, que os que cometem tais coisas não herdarão o reino de Deus.” Gálatas 5:17-21

Pensamento: Neste relato o Apóstolo Paulo vai fazer uma diferenciação entre duas forças opostas que temos de enfrentar todos os dias, nossa carne, ou seja, nossa natureza carnal e pecaminosa, que pende sempre para a maldade e para o pecado, e o Espírito, que é a natureza de Deus, Santo, Justo e Maravilhoso. Todos os dias travamos essa guerra entre a carne e o Espírito. E neste contexto ele explica que se vivermos para a carne, somente nos sobrevirá corrupção e toda sorte de coisas más, citando vários pecados que matam o homem e levam ao inferno. Há um conto muito corriqueiro nos entremeios cibernéticos de um homem que na Sibéria criava lobos. Era lobos brancos e pretos e todos os sábados ele expunha os lobos à briga em troca das apostas de todos e sempre deixava para apostar por último. Durante 40 anos isso se seguiu e aquele homem nunca errou qual seria o lobo vencedor ao final da briga. Todos ficavam maravilhados com isso. Ao final de sua vida um homem o visitou e por fim perguntou qual era o segredo de ele nunca haver errado qual seria a fera vencedora. Ele disse que essa era uma equação muito simples, pois ele criava os lobos e no princípio de cada semana ele já escolhia qual seria o lobo destinado à vitória e assim, o alimentava por toda a semana, enquanto o outro lobo ficava sem comer até o sábado, desta forma não havia como errar, o lobo alimentado sempre vencia ao final e era dele a escolha de quem alimentar. Parece-me que Paulo faz uma comparação aqui e ele mostra as consequências de alimentar ao lobo da carne, onde os resultados serão sempre o pecado e a morte, então fujamos da carne e invadamos outra esfera de ação, a esfera espiritual.

Perguntas: Leia bem sobre a obra da carne (Gl 5.19-21), e se analise, você está sofrendo alguns desses danos? a quem você tem alimentado, à sua carne ou ao Espírito? Como está a sua família em relação a esse texto? A sua casa vive no Espírito ou na carne? Se vivem na carne, o que farão para mudar essa triste realidade?

Oração: Ore para que você e sua família possam estar libertos da carne e voltados para o Espírito. Ore para que o Senhor os dê forças para andar noutra esfera de vida. Não desista, Deus ainda não completou a sua obra em você e na sua família.

AD Cidade - Todos os direitos reservados @ 2018 - Site desenvolvido por Leme Digital